26/06/2019 - 06h
Nova licitação será feita para obras na SC-467
Deputado Sopelsa e prefeito Kléber Nora voltaram a cobrar continuidade das obras da rodovia que liga Ouro a Jaborá.

O deputado Moacir Sopelsa (MDB) e o prefeito de Jaborá, Kleber Nora (MDB) participaram de audiência, nesta terça-feira (25), com o secretário de estado da Infraestrutura, Carlos Hassler para cobrar a retomada das obras da SC 467 que liga Jaborá a Ouro. A obra foi licitada em 2013, com recursos do Pacto Por Santa Catarina e orçamento previsto de R$ 52,8 milhões. 

No dia 2 de abril de 2019, o Departamento Estadual da Infraestrutura (Deinfra) rescindiu o contrato com a empresa Triunfo, executora da obra, devido à morosidade nos trabalhos.

Segundo o secretário de infraestrutura, Carlos Hassler, o governo do estado tinha o objetivo de chamar a segunda colocada na licitação. A companhia aceitou dar continuidade aos trabalhos que estão paralisados. Entretanto, por questões burocráticas do edital de licitação o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), órgão financiador da obra não aceitou esta condição. Diante desta situação o secretário da Infraestrutura confirma que o governo do estado fará nova licitação para a conclusão do trecho que liga Jaborá a Ouro.

Sopelsa destaca que “Está trabalhando há mais de 20 anos pelo asfaltamento deste trecho que vai beneficiar milhares de pessoas e empresas, facilitar o escoamento da produção, aumentar a segurança e encurtar distâncias. Não posso admitir que esta obra que iniciou em 2013 e que já deveria ter sido inaugurada esteja nesta situação, isto é lamentável.” O prefeito de Jaborá, Kleber Nora também demonstrou a sua indignação com a demora na conclusão desta obra que é fundamental para o desenvolvimento de Jaborá. “A população nos cobra e precisamos dar uma resposta, o Estado precisa resolver este impasse”, pontua.

“Meu trabalho continua, não vou desistir desta luta e espero que as obras sejam retomadas o mais rápido possível, o povo não pode ser prejudicado pela burocracia governamental”, finaliza Sopelsa.


Fonte: Douglas Fortes/Assessoria de Comunicação
Impresso em: 10/12/2019 às 13:27


Rádio 96 FM