Rádio 96 FM

OPINIÃO

MARCOS FEIJÓ



Radiojornalista
Marcos Roberto Andriatta Feijó, 50 anos de idade - Natural: Porto Alegre. Radiojornalista (curso superior sequencial/UNC Concórdia) 32 anos de profissão. Narrador esportivo




Vou de Táxi ou Fui de Táxi?

Sufocamento! Sucumbindo pelo progresso.
Adicionado em 06/10/2020 às 12:28:16

Meu pai foi de tudo um pouco: mecânico de máquina de costura, pedreiro, padeiro, eletricista e taxista. E gostava muito da função de chofer. Trabalhava nos finais de semana com um dos fuscas/táxi da frota de um familiar. Lembro do fusca: amarelo, cheio de badulaques. Enfeites em tudo que é canto. Dentro e fora. O ponto era na entrada do centro de Viamão nas margens da RS 40. E imagina se eu gostava ou não de ir junto? Ainda criança, 1979, não tinha como ficar sozinho no ponto quando das corridas, então  os passageiros aceitavam que eu “viajasse” junto.  

Feita a introdução, me coloco no lugar dos taxistas que “ganharam” uma legal, mas brutal concorrência. Serviços por aplicativos estão aí, clientela se dividiu. Em capitais, cidades grandes,  impacto menor. Pensem, porém, nas cidades médias e pequenas. Dividir o “quase nada”. É sim uma classe a ser repaginada com entendimentos da sociedade. Respeito, evidentemente, quem labuta na legalidade nos similares, mas não tenho como não dignificar a classe dos taxistas. E faço isso agora, pois não sei se haverá algum para eu ovacionar logo ali.

Angelica, talvez terá que mudar sua canção famosa: Vou de Táxi se tornará Fui de Táxi. 


(twitter: MarcosRFeijó)





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

24

Nov
Marcos Feijó

​QUEM SE HABILITA?

Conselheiros Tutelares têm a data de homenagem: 18 de novembro(no caso deste ano, a quarta-feira passada). E é muito justo que se tenha ao menos este dia para que possam ser valorizados, lembrados, reconhecidos. Pensem numa missão difícil,...

Leia mais

17

Nov
Marcos Feijó

Bagunçou o meio campo!

Apesar da minha crença de que o paraíso é aqui e agora, mesmo com altos e baixos em nossas vidas, a melhor definição sobre 2020, na minha concepção, é essa: o mundo acabou na virada de 2019 para 2020 e cá estamos nós vivendo e pagando pelos pecados....

Leia mais

10

Nov
Marcos Feijó

Riscos e mais riscos

No último feriado viajei 1.000 quilômetros (Rio Grande do Sul). Peguei e paguei dois pedágios na ida e três na volta, valor padrão para automóvel R$ 4,90. Não se vê mais o efeito que tal cobrança dava na prática com estradas boas por grande extensão....

Leia mais

03

Nov
Marcos Feijó

TÔ FORA!

Na boa! Eu não conseguiria ser prefeito. Primeiro por motivo de saúde: sou ansioso, tenho meus TOCs e não lidaria nada bem com demoras da burocracia. Também não conseguiria ver pessoas com seus problemas reais na cidade onde eu seria o responsável....

Leia mais

27

Out
Marcos Feijó

​Não caia no golpe da candidatura

Faltam 20 dias para as eleições municipais. Vote com liberdade e principalmente em alguém que fez algo ou por você ou por sua família ou por seu bairro ou por sua sociedade. Enfim: vote em quem fez ou faz algo. Melhor ainda se unir isso com...

Leia mais