Rádio 96 FM

OPINIÃO

EDERSON VILAS BOAS



Jornalista
Éderson Carpeggiani Villas Bôas
Jornalista formado pela UnC Concórdia em 2007
Repórter do Departamento de Jornalismo da Rádio Rural
Repórter Esportivo da Rádio Rural
Comunicador da Rádio 96 FM




Saudade (foto)
Adicionado em 19/10/2017 às 08:34:03

Durante a transmissão do Concórdia Atlético Clube, no último domingo, recebi duas fotos no Whatsapp, do grande Arno Ludwig, o famoso Barbicha. Recebi as fotos do meu amigo Amarildo Berta. O Barbicha era meu vizinho, me lembro bem que nas épocas de passeio ciclístico sempre enfeitava sua bicicleta, inclusive, ganhando prêmios de “magrela” mais enfeitada. E claro, o amor pelo Galo, que o tornou símbolo e muito querido no município todo. Arno faleceu em um acidente automobilístico. Saudade do meu amigo Barbicha.

Negociação

A direção do Concórdia Atlético Clube tem mantido contato diário com o técnico Mauro Ovelha. O presidente Jonas Guzzatto esteve nesta segunda-feira, na residência do treinador, em Ibirama, conversando e negociando com o profissional. O dirigente mantém esperança de que Ovelha esteja no comando técnico da equipe na Série A em 2018. Isso, na verdade, é o que todo o torcedor acredita que possa acontecer. Mas também fiquei sabendo que outras equipes estão de olho em Mauro Ovelha, o que pode, numa proposta financeira irrecusável, melar o projeto do Galo do Oeste.

Grupo

Acredito na manutenção de algumas peças que foram importantes neste ano. Claro, que tem aquelas que tem poucas chances de ficar, pois já tem contrato com outros clubes. Esse é o caso do Andrei Alba, Beto, Abner, Zé Carlos, Neguetti, Sergipano. Destes, Beto, Alba e Sergipano podem ter uma negociação entre os clubes e os atletas voltarem, óbvio se for da vontade do clube. Outros como Paulinho, Marcos Paulo, Anderson e os garotos Talys, Ramon, Miguel, Jorginho e Gabriel Alemão, estariam liberados para uma negociação. A ideia é montar uma “espinha dorsal”, o quanto antes.

Derrota

Muito desfalcada a Acf foi a São Lourenço e não aguentou a pressão do adversário. A derrota mostra que o clube tem um bom elenco, quando completo. Por isso, a comissão técnica e o departamento médico fará o possível para deixar os lesionados em dia para os dois jogos finais da primeira fase da Divisão Especial. Mas, principalmente, para os Jogos Abertos no próximo mês. Uma vantagem de Concórdia é que todos poderão participar do JASC, já que são catarinenses ou já estão no clube há dois anos. A ACF defenderá o título na competição.

Reuniões

A direção da Associação Concordiense de Futsal está realizando reuniões para definir como fica o projeto para 2018. Em breve será definida a eleição do clube e, muito provável, o empresário Alexandre Simioni, não fique no cargo. Mesmo assim, o presidente, seja o atual ou outro, terá de administrar a não participação na Liga Nacional do ano que vem, que me parece já ser fato decidido. A direção prefere não falar sobre o caso, até porque ainda terá reunião com a diretoria, mas devido a dívida que o clube ainda tem, dificulta qualquer intenção de continuar na LNF.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

14

Mai
Ederson Vilas Boas

​O apoio aos doentes e sintomáticos é fundamental tanto quanto remédio

Não sei nem como iniciar o texto de hoje. Os últimos dias têm sido punk. Não estão sendo fáceis! O afastamento, o isolamento é até mais pesado que os sintomas da doença e a recuperação. Mas o que nos ajuda e nos faz voltar para o caminho é a força...

Leia mais

07

Mai
Ederson Vilas Boas

​Com muito cuidado, vamos nos cuidando

Como é difícil tudo isso! Como está complicada essa relação diária, falo em todos as situações. Falo sobre a pandemia do Coronavírus. Não sabemos o que pensar e quando se pensa, não temos noção de como fazer. O que estou escrevendo parece tudo sem...

Leia mais

23

Abr
Ederson Vilas Boas

​Agora é hora de salvar pessoas. Deixe a política para mais tarde

Poucas vezes escrevi sobre política e vocês, que me acompanham, pouco irão ler essa temática no meu blog ou nas redes sociais. Eu trabalho com pessoas, eu conheço pessoas e sei que as vezes falar sobre isso, será como bater em ponta de faca, ou...

Leia mais

16

Abr
Ederson Vilas Boas

Que falta faz um sorriso

Circulando nesta semana pelo centro da cidade, encontrei algumas pessoas conhecidas. E neste contato, de longe, claro, aconteceu o cumprimento cordial. Mas ele não foi igual. Infelizmente, nada está igual. Como é decepcionante não poder sorrir e...

Leia mais

09

Abr
Ederson Vilas Boas

Jornalista com orgulho

Nesta sema afoi o dia do Jornalista e eu quero agradecer a cada um que mandou mensagem. Foram dezenas. Estou na área desde 1993, quando cheguei a Rádio Rural para aprender na central técnica e fui contratado, pelo então, Clélio Dal Piaz. De lá em...

Leia mais