Rádio 96 FM

OPINIÃO

EDERSON VILAS BOAS



Jornalista
Éderson Carpeggiani Villas Bôas
Jornalista formado pela UnC Concórdia em 2007
Repórter do Departamento de Jornalismo da Rádio Rural
Repórter Esportivo da Rádio Rural
Comunicador da Rádio 96 FM




​Concórdia perde mais uma. O que está faltando para gostarem mais da nossa cidade?

Município já havia recebido a informação de que não teria o credenciamento da oncologia e agora perdeu o da hemodinâmica.
Adicionado em 05/09/2019 às 07:45:16

Sinceramente não sei o que está acontecendo com o velho Oeste catarinense! Me refiro, principalmente a nossa Concórdia. Tudo o que é pra vir pra cá, bate na trave e “reboteia” pra algum município da região. Um dia já perdemos a FATMA pra Joaçaba, deixamos de ter a regional da CELESC, que agora é subordinada a Chapecó, a HAVAN foi pra Joaçaba e Erechim e deixou Concórdia no vácuo. Não conseguimos credenciamento de oncologia, onde a referência também é Joaçaba e agora fomos derrotados para Caçador, que foi confirmada como o mais novo centro de Hemodinâmica, no Hospital Maicé.

No fim, tô até lembrando de futebol e os clássicos dos tempos do Guaycurus, que jogava com Caçadorense, Joaçaba Esporte Clube, saudoso JEC, a Chapecoense. Era só clássico, onde perdia, mas ganhava muitas outras vezes. Agora só perde. É só bola nas costas.

O que está faltando a meu ver, na política, é a mesma coisa que no futebol atualmente. Tá faltando algum político ou alguns políticos sentarem na frente do Governador e dizer: “Peraí tchê! O que tú tem contra nós lá do velho oeste querido”? “Vamos resolver isso de uma vez por todas!”.

Se não for assim, continuaremos levando de relho dos nossos vizinhos. E tendo que sair de orelha baixa.

Citei o futebol, porque o Galo do Oeste, vem ano, sai ano, os árbitros vêm aqui, dão uma bicada no Galo, que fica sem rumo e sem vaga. Por que? Porque não tem um “de gravata” que vai lá e senta com o presidente da Federação Catarinense e pede mais atenção pras bandas de cá.

Mas aí eu já fico na dúvida se vale a pena mesmo, pois, se tem carnaval, o povo reclama, se tem Anitta, o povo reclama, se tem Rua Coberta, o povo reclama, se tem uma empresa nova, o povo reclama que tem que trabalhar até mais tarde, se tem desfile de Sete de Setembro na Rua reclamam do barulho e da “bagunça” no trânsito, se fazem no Estádio Municipal, reclamam porque não tem graça.

Bom, então o negócio é não ter, que daí ninguém reclama! E continuamos tomando bola nas costas dos municípios vizinhos.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

17

Out
Ederson Vilas Boas

Aos Mestres.. Meu muito obrigado!

Antigamente existia um magricelo...canela seca… Que pulava cerca pra jogar bola no potreiro, brincava em rua de chão de terra, jogava bolinha de gude, andava de carrinho de rolimã, andava de cipó, passava pela tubulação do bairro (hoje em dia...

Leia mais

10

Out
Ederson Vilas Boas

​Justa homenagem para Alexandre e Serginho

Nesta semana, os vereadores de Concórdia aprovaram a indicação dos técnicos Alexandre Schneider e Serginho Schiochet para receber o título de Cidadão Concordiense. Alexandre indicado pela bancada do PT e Serginho pela do PSDB. Eu valorizo todos os...

Leia mais

03

Out
Ederson Vilas Boas

​VAR e as injustiças. Uma pena que ele não exista na vida real.

Desde antes de ser implantado eu sou favorável ao VAR, o árbitro de vídeo. Sempre falei e continuo falando que ele é primordial para que as injustiças que vierem a ser cometidas dentro de campo, sejam recolocadas no seu lugar sem prejuízo a este ou...

Leia mais

26

Set
Ederson Vilas Boas

​Mais atenção e menos pressa.

Inadmissível o que está acontecendo em Concórdia. São dezenas de acidentes toda a semana por aqui. A maioria envolvendo motocicleta. E a maioria por imprudência. Não todos por parte do motociclista e, sim, pelos motoristas dos veículos também. Mas...

Leia mais

19

Set
Ederson Vilas Boas

​Lições da vida que o Futebol nos mostra

A derrota do Internacional na noite de ontem, diante de mais de 50 mil pessoas, nos mostra que não existe vitória antes da luta. Essa história de “vamos fazer 3, 4, vamos ser campeões”, é oba-oba e não a realidade. O Colorado perdeu o...

Leia mais