ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


GERAL

Exonerações na ADR atingem indicados pelo PSD
Oito nomes foram cortados em Concórdia.


Por Luan de Bortoli
Em 01/05/2018 - 10h38 - Atualizada em 02/05/2018 - 10:07



O governo catarinense afirmou que deve economizar R$ 2,9 milhões mensais após cortes em cargos. Nesta segunda-feira (30), foi confirmado o fim de 180 cargos nas Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs) e 165 funções gratificadas ligadas à Secretaria de Estado da Fazenda.

Com esses cortes, o governo afirmou que consegue economizar cerca de R$ 1,5 milhão mensais. Em fevereiro, o executivo já havia anunciado o fim de outros 189 cargos, o que representa menos R$ 1,4 milhão na folha de pagamento por mês.

De acordo com o governo, anteriormente o estado estava ultrapassando o limite imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal, que afirma que até 49% da receita estadual seja usada na folha de pagamento dos funcionários.

O governador, Eduardo Pinho Moreira (MDB), afirmou que até o fim da semana serão anunciados cortes de outros 50 cargos comissionados ou funções gratificadas.

Em Concórdia, conforme publicação feita no Diário Oficial do Estado, pelo menos oito nomes foram exonerados, todos com ligação com o PSD, partido de Raimundo Colombo, que deixou o governo de Santa Catarina para concorrer ao Senado. De acordo com a publicação oficial, estão exoneradas as seguintes pessoas:

Dalva Pagnocelli Pichetti (Assessor de Comunicação)

Gislaine Teresinha Winter (Gerente de Educação)

Alex Luciano Salini (Gerente de Infraestrutura)

Marnio Cadore (Gerente de Políticas Socioeconômicas, Rurais e Urbanas)

Roberto Marinello (Gerente de Planejamento Regional e Apoio a Políticas Públicas)

Marilice Lorensi (Supervisor de Gestão Escolar)

Keila Sabadin Presotto (Supervisor de Articulação com os Municípios)

Vera Lúcia Gonçalves Carvalho (Supervisor de Políticas e Planejamento Educacional)

Até o momento não houve confirmação de novos nomes em substituição aos exonerados. Mas como o objetivo do governo é corte de gastos, alguns cargos não terão substitutos, como é o caso de planejamento e políticas públicas. Os demais casos serão analisados nos próximos dias.



04 COMENTÁRIOS - Deixe também o seu Comentário



Paulo Pucci comentou em 02/05/2018 as 18:36:16

Até que enfim alguém tomou providencias pra acabar com esses empreguismo, pois duvido que alguém saiba qual a função desses indicados .Tanto as ADRS ou SDRS, nunca fizeram nada em benefício do município. Os que ocupavam os cargos estavam aí pra satisfazerem quem os indicou; Chega de farra com dinheiro publico. Acho que somente servidores de carreira, pra serem valorizados tem que ocupar esses cargos. Parabéns a esse governador.
Alceu Matiollo comentou em 02/05/2018 as 10:09:45

Concordo, se fosse uma regional competente nossos acessos a cidade e BRs estariam em outro nivel. CONCORDIA É UMA VERGONHA, UM ATRASO, para quem viaja ao Parana tanto por Mafra pela 280, ou Por São Mateus pela 153/476, cada vez que trafego por elas vejo as vias marginais espetaculares, em Mafra, Canoinhas, Uniao da Vitora/P. Uniao Gen. Carneiro, Xaxim,Xanxere. Por favor parem de decidir voto, com o velho tapinha nas costas e umas latas de cerveja,estão te comprando por essa merreca.
antonio comentou em 01/05/2018 as 20:11:03

Olá !!

Não me surpreende , antes tarde que nunca , Vejo que esta na hora de um saco roxo
Colocar um fim nesta lambança , com o dinheiro publico , região permanece carente de obras
emergenciais que durante discurso todos citam , mas pra executar demandam de vontade então
sem as devidas obras aplausos pela Atitude !!!
Novas eleições vem ai , vamos renovar idéias e pessoas os discursos são os mesmo ! Novos deputados eu não descarto !! Renovação ,Renovação !
PAULO comentou em 01/05/2018 as 11:28:49

Tem meu voto e farei campanha ,de graça este tipo de atitude para ele minar algo uni til ao estado e população



© - Ideia Good - Soluções para Internet