ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


CONCÓRDIA

Obras do esgoto: valas ainda estão sendo fechadas
Retomada da obra só vai ocorrer depois de fechadas todas as valas.


Por Luan de Bortoli
Em 13/06/2018 - 08h01 - Atualizada em 14/06/2018 - 08:09



O consórcio Trix-Infracom, responsável pelas obras do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) de Concórdia, segue concentrando os trabalhos nos fechamentos de valas abertas durante a instalação da rede. Este foi um pedido do prefeito de Concórdia, Rogério Pacheco, no mês de maio. A parte da obra que compreende a colocação de tubulações está na reta final.

Conforme as informações do consórcio, desde a metade do mês passado, quando houve a determinação da prefeitura, os trabalhos de abertura de valas foram suspensos. Desde então as equipes estão fechando todos os buracos que foram abertos. As últimas valas que estavam sendo fechadas ficavam nas ruas Getúlio Vargas e Dr. Maruri. O trabalho compreende pavimentações e acabamentos.

Está etapa está na fase final, mas ainda não há previsão para terminar. Assim que concluído o fechamento das fissuras, o consórcio retorna para a colocação de tubulação nas últimas ruas que receberão a rede. A obra está na reta final. Deveria, inclusive, ter terminado há mais de um mês, mas o pedido da prefeitura adiou a conclusão da obra na parte central do município.

Na época, no dia 15 de maio, o prefeito fez o pedido à Casan em função dos transtornos que os inúmeros buracos vinham causando à população. No entanto, há uma exceção, pois outra equipe realiza um trabalho especial na Travessa Lamonatto e também na rua José Morelatto, a pedido da prefeitura, que é a instalação da rede – esta rua deverá ser pavimentada em breve. 

Enquanto isso, a equipe do consórcio Trix-Infracon continua trabalhando no sistema de esgoto do município, mas focada em terminar a Estação de Tratamento de Efluentes (ETE), que está localizada na Linha Santa Catarina. A obra toda deve terminar até o fim do ano.

O Sistema vai abranger os bairros Jardim, Vista Alegre, Centro, Imigrantes, São Miguel, Liberdade, Floresta, Imperial, Sunti, Nazaré e Nações. O tratamento de esgoto evita a proliferação de doenças e a contaminação do meio ambiente. A ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário é uma obra que está sendo executada com um investimento de R$ 40,3 milhões. Permitirá que o município passe de um índice de 6,7% para 42% de cobertura com coleta e tratamento de esgoto. Mais de 25 mil habitantes serão beneficiados.



SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA MAIS



© - Ideia Good - Soluções para Internet