Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Educação

Rede pública aguarda liberação do Estado para retomar aulas presenciais

Escolas particulares voltam no próximo dia três, devido à liminar judicial.

31/10/2020 às 10h18 | Atualizada em 31/10/2020 - 22h44


Mesmo estando na classificação de risco alto (bandeira amarela), os municípios do Alto Uruguai Catarinense, onde Concórdia está inserida, ainda não podem anunciar a retomada das aulas presenciais das escolas da rede pública. Essa possibilidade só passará a existir efetivamente, quando a região ultrapassar 15 dias na mesma classificação de risco.

Além disso, será necessária a autorização do Estado e a adequação e planejamento para o cumprimento de todas as restrições sanitárias, que visam diminuir o risco de contágio do coronavírus, dentro das unidades de ensino e no transporte dos alunos.

Diferentemente, das públicas, as escolas particulares já estão autorizadas a retomar as aulas presenciais. Mas essa autorização veio por meio de uma liminar deferida pela Justiça, pelo ingresso de uma ação civil pública do Sindicato das Escolas Particulares do Estado de Santa Catarina (Sinep/SC). Dessa forma, algumas já agendaram o retorno para o próximo dia 3 de novembro. As escolas particulares deverão seguir as restrições de higienização e distanciamento dos alunos, dentro das unidades escolares.

Enquanto a liberação não ocorre para a rede pública, a Secretaria Municipal de Educação de Concórdia trabalha com a capacitação das equipes e planos de contingenciamento.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM