Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Educação

Saiba como será o retorno das aulas presenciais na rede estadual de ensino

Na regional de Concórdia, mais de seis mil alunos retornam nesta quinta.

Por Luan de Bortoli
18/02/2021 às 06h36 | Atualizada em 18/02/2021 - 07h26


Com a retomada das aulas na rede estadual de ensino em Santa Catarina nesta quinta-feira (18), ainda com a preocupação referente à pandemia de coronavírus, o ano letivo de 2021 terá três opções - ensino presencial, remoto ou híbrido (que mistura as duas modalidades). Em entrevista ao CBN Hub, da CBN Diário, o secretário de Estado de Educação, Luiz Fernando Vampiro, acredita que o retorno às atividades precisa ter a integração entre professores. alunos e pais.

- É um momento de união, não de apontar dedos. É um novo momento, de construirmos juntos uma educação de Santa Catarina - declarou Vampiro.

Segundo o secretário, os estudantes da rede estadual em SC receberão kit alimentação e terão acesso às ferramentas online de ensino, se eles estiverem no formato de ensino não presencial. O modelo remoto ou híbrido dependerá de haver professores e alunos em grupo de risco, ou os pais que assinaram um termo de responsabilidade para que os filhos ainda não retornem para as salas de aula.

- Ou essa turma será desmembrada em duas, por causa do espaço físico (da sala), ou metade da turma terá 15 dias de aula presencial e (depois) 15 dias de aula remota. (Mas) não adianta ter distanciamento de 1,5m na sala, e não na fila do refeitório. Nosso regulamento deriva nas escolas privadas e municipais. Devemos nos moldar nessas questões para atender a demanda de alunos, pais e professores, e termos as medidas de segurança, que é mundial, respeitada em SC - explicou o secretário.

Está em vigor, desde terça-feira, o novo decreto que autoriza o retorno das atividades com 100% da capacidade das salas em SC, independente do potencial de risco para Covid-19 indicado pela Secretaria de Estado da Saúde. O mapa mais recente, divulgado no último sábado, aponta 12 regiões em nível gravíssimo (o mais alto), e quatro regiões em nível grave (o segundo mais alto). 

- A retomada das aulas com segurança é medida que se impõe nesse momento - disse o titular da secretaria de Estado da Educação. 

As escolas que tenham algum problema de estrutura - devido a algum evento climático, por exemplo - terão o reinício com ensino remoto. Além diso, as aulas presenciais foram suspensas em Chapecó, que enfrenta um colapso no sistema de saúde por causa da falta de leitos de UTI. Assim, as aulas na rede estadual na maior cidade do Oeste vão começar nesta quinta-feira com o formato online.

Na regional de Concórdia, que compreende sete municípios, há, no total, 6.890 alunos, sendo 6.490 do ensino regular e 400 da Educação de Jovens e Edultos (EJA). Deste total, 440 alunos do ensino regular terão aula somente de forma remota por opção dos pais, além de 130 do EJA, com um total de 570 neste modelo (8% dos estudantes)

Conforme as informações da supervisora da coordenadoria regional de educação de Concórdia, Keila Sabadin Presotto, a regional possui 445 professores contratados para a retomada do ano letivo, sendo que 32 atuarão somente para os alunos que estarão de forma remota. 

Fonte: NSC





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM