Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Coronavírus

Amauc sugere que municípios cedam profissionais da saúde

Em Concórdia matéria já tramita no legislativo

Por Marcos Feijó
22/02/2021 às 15h14 | Atualizada em 23/02/2021 - 07h18


Na manhã desta segunda-feira (22), prefeitos(as), secretários de saúde da AMAUC e assessores jurídicos, reuniram-se virtualmente para debater o atual cenário da região Amauc em relação a Pandemia do Coronavírus. A ocupação dos leitos exclusivos para tratamento da COVID-19, e a dificuldade que o Hospital São Francisco encontra para contratar profissionais para atender a demanda neste período, a evolução dos casos ativos na região e a necessidade de incrementar a fiscalização para o cumprimento das normas e cuidados por parte da população, também foram assuntos da pauta da reunião virtual.

Na oportunidade os gestores relataram como está a situação em seus municípios e acataram a sugestão da AMAUC para encaminhamento de projeto de Lei às Câmaras de Vereadores, com a finalidade de obter autorização legislativa para cedência de pessoal da área da saúde para atuar temporariamente no Hospital São Francisco. É possível que alguns municípios encontrem dificuldades para ceder pessoal, em razão de possuírem equipes reduzidas, mas se comprometeram em buscar outras alternativas para ajudar na solução do problema.

"A região continua trabalhando de forma unida reforçando para a população a necessidade de seguirem as medidas preventivas. Somente agindo de forma conjunta iremos evitar que ocorra um aumento no número de casos e internações", diz nota da assessoria de comunicação da Associação.

CONCÓRDIA - Chegaram dois projetos na Câmara de Vereadores de Concórdia no início da tarde desta segunda-feira, 22. Será feita uma reunião de emergência às 17 horas, para que as comissões já autorizem as matérias para entrar em votação nesta noite. Um dos projetos prevê a cedência de funcionários da Saúde para o Hospital e o outro estipula valores para as multas para quem descumprir as regras de segurança contra o coronavírus.

Fonte: AMAUC





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM