Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Coronavírus

Em novo decreto, Concórdia libera missas e limita horário de supermercados (veja)

Aulas também deverão retornar na segunda.

Por Luan de Bortoli
07/03/2021 às 18h21 | Atualizada em 08/03/2021 - 18h24


A Administração Municipal de Concórdia, em comum decisão com as entidades e a equipe de enfrentamento da Covid-19, reedita o decreto municipal, que foi publicado na última terça-feira, 2, com validade de quarta a sexta-feira, da última semana. A decisão foi tomada na manhã deste domingo, 7, em reunião na prefeitura, que avaliou vários aspetos do atual cenário da pandemia.

O decreto que entrará em vigência a partir das 6h, desta segunda-feira, 8, traz algumas novidades em relação ao anterior, publicado na semana passada. Para os supermercados, haverá uma limitação no horário de funcionamento, que será até às 20h. O transporte coletivo poderá atender até 50% da capacidade de ocupação do veículo.

Será permitido o funcionamento das academias e a realização de missas e cultos religiosos, que deverão respeitar a limitação máxima, de 15% de ocupação da área destinada para a atividade. Lanchonetes e similares podem funcionar entre 06h e 15h, mas sem consumo de bebida alcoólica no local. Veja os detalhes do decreto logo abaixo. 

As aulas presenciais e remotas serão retomadas nesta segunda-feira, 8. Todas as restrições serão mantidas tendo a rede municipal, o decreto de Concórdia como base, e as demais, como rede estadual, particular e universidades, sendo norteadas pelo decreto do Estado.

Havia um consenso que as aulas já poderiam ter sido retomadas ainda na quarta-feira passada, mas a questão de logística e planejamento impossibilitou a retomada imediata, que ficou para esta segunda-feira.

O novo decreto municipal terá validade até às 23h, da sexta-feira, 12 de março. Mas o prefeito Rogério Pacheco, adianta que o cenário da pandemia e consequente demanda hospitalar será avaliado diariamente, sendo possível a suspensão deste decreto e a publicação de um novo, de acordo com as necessidades do município.

Visualize o arquivo de texto:






SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM