OPINIÃO


LUCAS VILLIGER




A dança do sol


Em 1917, cerca de 70 mil pessoas viram o milagre de Nossa Senhora de Fátima.

Adicionado em 13/10/2022 às 08:13:30

Neste mesmo dia, há 105 anos, um milagre extraordinário acontecia em Fátima, na Cova da Iria, diante dos olhos de cerda de 70 mil pessoas. Esse milagre marcou a última aparição de Nossa Senhora de Fátima, que foram riquíssimas em avisos e mensagens para a humanidade, dos quais são lidos e seguidos até hoje. Inclusive, recentemente o papa Francisco realizou um dos pedidos que Nossa Senhora fez durante essas aparições

Recapitulando a história, no dia 13 de maio Nossa Senhora de Fátima aparecia pela primeira vez para três pastorinhos. Lúcia, Francisco e Jacinta foram as crianças que conseguiram ver com os próprios olhos toda a plenitude e beleza da Mãe de Jesus, que levava a mensagem de seu Filho para os pequenos videntes em Portugal. 

Era um tempo difícil na Europa, acontecia a Primeira Guerra Mundial e recém estava iniciando a Revolução Russa. A morte, a dor e o sofrimento pairavam no gélido ar do velho continente, que ainda enfrentaria a Gripe Espanhola nos próximos anos. Dentro deste cenário sombrio, houve uma mensagem de luz. Deus, em sua misericórdia eterna, permitiu que Sua mãe levasse grandes mensagens para a humanidade, que tanto precisava naquele momento. 

Na sua última aparição, no dia 13 de outubro de 1917, Nossa Senhora de Fátima realizou um milagre diante dos olhos de cerca de 70 mil fiéis, que chagavam de toda a parte para sentir a presença de Maria através dos três pastorinhos. Chovia muito naquele dia, Maria demorou para aparecer naquela ocasião, porém, um tempo depois o céu se abriu e Nossa Senhora apareceu. Como havia prometido anteriormente, Maria realizou um milagre para as pessoas presentes, confirmando assim a fala dos pastorinhos e ratificando sua presença.

A multidão presente se assustou e se admirou com o fenômeno que ficou conhecido como “O milagre do sol”. Segundo o relato de jornalistas, testemunhas e escritores, o sol mudou de cor várias vezes, dando a impressão que girava sobre o seu eixo e se movimentava no céu. Ainda há relatos de outros milagres que aconteceram durante a 'dança do sol', como a cura de doentes, por exemplo. 

As manchetes dos jornais em Portugal no dia seguinte eram as mesmas: “O sol dançou em Fátima”. Diante dos olhares de céticos, liberais, anticatólicos e maçônicos, o milagre foi incontestável até para esses grupos. Inclusive, pessoas de outras regiões de Portugal conseguiram observar o fenômeno, provando assim que o milagre não era um “delírio coletivo”. 



Os sinais dos milagres

Recentemente, escrevi um artigo sobre os recentes milagres de Nossa Senhora Aparecida, que renderam alguns comentários. Na oportunidade, mencionei as imagens de Maria intactas após um incêndio em uma casa e em um caminhão. Algumas pessoas proferiram a seguinte frase: “Se fosse milagre mesmo teria salvo a casa e o caminhão, e não a imagem de gesso”. 

Há uma dificuldade mundana muito grande de entender o significado do Cristianismo e principalmente dos pequenos sinais que Deus nos envia. Jesus Cristo nunca prometeu para nós uma vida sem sofrimento e sem dificuldades, inclusive Ele nos falou: "Depois, Jesus começou a dizer a todos: 'Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome sua cruz, cada dia, e siga-me.'” (Lc 9,23).

Essa é nossa cruz, Deus tem sim o poder de ter salvo os bens materiais do incêndio, porém Ele pode ter salvo vidas e nós não nos demos conta. Aliás, Deus está nos dizendo que mesmo diante do sofrimento e da tragédia Ele não nos abandona. O cristão sabe que a verdadeira felicidade não está nesta vida, mas sim na vida eterna. O próprio C. S. Lewis comenta sobre isso: “Se você está à procura de uma religião que o deixe confortável, definitivamente eu não lhe aconselharia o cristianismo.”

Ser cristão é ter a certeza de que na vida haverá muito sofrimento, mas também é ter a plena certeza de que nada será enfrentado sozinho. Afinal, Deus nos conhece tão singularmente que somente ao ouvir nossa voz sabe o nosso nome. Muitas vezes não conseguiremos controlar as tragédias que acontecerão em nossas vidas, mas sabemos que se elas acontecem é porque conseguimos enfrentá-las, pois não estamos sozinhos

“Aquieta esse coração, deixa as inseguranças de lado, confia em Jesus. Você não controla a tempestade, mas está com quem controla.” - Laureane Antunes

Os milagres acontecem diariamente em nossas vidas, basta olhar devagar e interpretar os sinais. Deus está a todo momento nos mostrando Sua presença, Ele inclusive fala conosco através das situações mais inusitadas. Assim como em Fátima, diante de um momento de trevas, Deus enviou a sua serva mais amada para confortar, orientar e principalmente trazer esperança para toda a humanidade.

“Que Nossa Senhora de Fátima perfume a tua alma e faça com que nela sempre floresçam novas virtudes.” - São Padre Pio de Pietrelcina





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR





VEJA TAMBÉM