Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Saúde

Concórdia tem mais de 60 novos focos do mosquito da dengue em menos de uma semana

Município também confirmou um novo caso e dois suspeitos da doença.

Por Luan de Bortoli
27/04/2021 às 06h27 | Atualizada em 28/04/2021 - 06h43


Concórdia registrou mais 65 novos focos do mosquito Aedes aegypti, que transmite doenças como dengue, chikungunya e zika, conforme o boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE) nesta segunda-feira, dia 26. Essa quantidade foi localizada em menos de uma semana, mesmo em meio ao auge da estiagem que atinge o município.

Com isso, o total de focos localizados até agora em Concórdia, em menos de quatro meses, é de 1.164 vetores do inseto, número que no ano passado somente foi atingido no mês de dezembro. Em nível estadual, o município continua entre as cinco cidades com mais focos, atrás apenas de Joinville, Florianópolis, São José e Blumenau. Santa Catarina possui 31 mil focos até agora.

O número de pacientes infectados também está aumentando. Houve uma nova confirmação na última semana, chegando a oito no total. No ano passado todo, foram cinco casos. Todos os pacientes tiveram infecção autóctone. Ou seja, contraíram a doença dentro de Concórdia. O município tem ainda dois casos suspeitos sendo investigados.

A coordenadora do programa de combate à dengue de Concórdia, Mara Sampaio, diz que a preocupação segue aumentando quanto quanto aos focos como também em relação à doença. Ela alerta para a importância do aumento de cuidados por parte da população, como a limpeza dos terrenos.

"Mesmo com essa questão da estiagem, a gente tem a presença bem intensa. Independente da quantidade de água, ele pode se proliferar. Nossa situação está começando a se desenhar preocupante também com a doença. O ideal é que pelo menos uma vez por semana a pessoa faça uma vistoria do terreno pra ver se algo está acumulando água e fazer a adequação. Cuidado com caixa de água aberta, recipiente de água de animais, cuidar das calhas ou lages".

Praticamente todos os bairros de Concórdia já possuem focos localizados ou em armadilhas ou em delimitação de foco, ou seja, próximo a outros vetores encontrados. Até o momento, os casos de pacientes confirmados com dengue estão nos seguintes bairros: quatro no Nazaré, um no Natureza, um no Poente do Sol e outro em Fragosos. 

O município está em alerta desde o início do ano para a possibilidade de ocorrência de uma epidemia de dengue pela grande quantidade de focos presentes, conforme a equipe da vigilância epidemiológica. Concórdia é considerada infestada pelo mosquito desde 2019 e, pelo menos, 11 bairros também são classificados como infestados.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM