Rádio 96 FM

NOTÍCIAS


Coronavírus

​Diretor do HSF analisa queda de internações por covid e atribui parte à vacinação

Cuidados sanitários devem ser mantidos durante a pandemia, alerta HSF.

Por Luan de Bortoli
11/05/2021 às 06h24 | Atualizada em 11/05/2021 - 15h56


Embora a situação ainda esteja longe da considerada ideal em relação às internações de pacientes contaminados com o coronavírus, a condição do Hospital São Francisco, de Concórdia, atualmente, é bem melhor do que aquela observada há pouco mais de um mês. Nestes últimos dias, a unidade tem registrado uma média de 70 internados por dia.

No pico da pandemia, registrado neste ano, entre fevereiro e início de abril, o Hospital chegou a ter 129 pessoas em suas dependências das alas da covid-19. Deste total, neste dia em específico, eram 24 pessoas na fila, 20 na Unidade de Terapia Intensiva e outras 85 na ala da enfermaria. No total, o hospital conta com 105 leitos para a covid, sendo 20 na UTI.

O diretor da unidade hospitalar, Claudemir Andrighi, comenta os números recentes, com redução de internados. “Costumo dizer que deu uma desacelerada. Realmente, não temos mais 120, 130 pacientes internados. Temos cerca de 70 agora. Porém, nossos pacientes graves, de toda a região, continuam vindo. Então, nossa UTI tá sempre lotada. A tendência é diminuir, é o que a gente espera, porque outras patologias vem acontecendo, todos os pacientes continuam vindo. Torcemos que diminua ainda mais o número”.

Em entrevista à imprensa, o diretor ainda ressaltou a queda de internação em relação a pacientes idosos e que hoje o maior número é de adultos até 60 anos. “Sim, teve uma redução significativa. É perceptível isso, o nosso índice de internamento de idosos caiu bastante, agora o maior índice é de pacientes de 40 a 60 anos e eu acredito que seja por causa da vacinação”.

Ainda assim, a orientação do HSF é que os cuidados básicos de protenção precisam ser mantidos. Na época do pico da pandemia, em março, em função da alta demanda e do número recorde de internados, o Hospital São Francisco chegou a divulgar uma nota informando que a unidade estava prestes a entrar em colapso e que não teria mais condições de ampliar a estrutura para tratar da covid.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM